Uma virtualização avançada

Corte a terceirização

O que a maioria dos métodos de virtualização de servidores implicam supõe a presença de um “agente” que serve para conectar a máquina guest e a máquina física, que toma conta dos recursos. A caraterística mais valiosa de um Servidor Privado Virtual KVM reside no conceito de que o modelo tecnológico do KVM é compilado no interior do núcleo do host físico, i.e., não há necessidade de qualquer outro software- a máquina de convidado comunica diretamente com o anfitrião. O resultado é uma menor sobrecarga e um melhor rendimento.
Uma virtualização avançada

Uma utilização dos recursos aperfeiçoada

Utilização eficiente dos recursos do servidor físico

Para cuidar da gestão de recursos as máquinas guest costumam precisar de mais uma camada entre elas e a máquina host. O resultado é uma menor disponibilidade de recursos para as máquinas virtuais. Por meios dos KVM VPS a própria camada adicional é eliminada, porque o algoritmo de virtualização forma parte do SO do anfitrião. É assim que o conjunto de recursos disponíveis na máquina host ficam à disposição dos KVM VPS já configurados. Esta disponibilidade de recursos põe nas suas mãos uma vantagem competitiva que você precisa a fim de que seus sites e programas web se distingam dos concorrentes.
Uma utilização dos recursos aperfeiçoada

Controle completo sobre o sistema operacional

Liberdade ilimitada para desenvolver o SO mais propício

Uma das principais limitações dos Servidores Privados Virtuais, se comparados com os servidores dedicados sobretudo é o próprio sistema operacional – normalmente você está limitado às escolhas de SO oferecidas pelo seu provedor. Com a ajuda de um Servidor Privado Virtual KVM, não obstante, será possível carregar quase qualquer SO suportado pelo seu servidor, assim como pelo hardware do servidor mestre. Isso é possível levando na conta a maneira singular em que opera o método de virtualização KVM. KVM é um componente indivisível do sistema operativo do servidor host, cujo papel consiste em estabelecer uma conexão não mediada entre as instâncias virtuais e o hardware, eliminando a necessidade de uma camada adicional de comunicação, o qual não poucas vezes é mesmo o fundamento de outras plataformas virtualizadoras.
Controle completo sobre o sistema operacional
  • Centro de Dados em EUA
  • Centro de Dados em EUA

    Steadfast, Chicago, IL